INSEJEC - Igreja Nacional do Senhor Jesus Cristo

As Sandálias do Gólgota

  Shalom, Avivalistas de Plantão!!! Estive pensando muito sobre a missão de Jesus nestes últimos […]

 

Shalom, Avivalistas de Plantão!!!

Estive pensando muito sobre a missão de Jesus nestes últimos dias.

CONDE ZINZENDORF

Em uma destas muitas histórias missionárias, conta-se que o Conde Zinzendorf (Vejam sobre ele em http://www.levandoapalavra.com )precisava de alguém para ir para Groelândia para fazer missões, e um homem se levantou do meio dos demais e disse que iria.

“Nicolau von Zinzendorf (1700-1760) foi um nobre crente que exerceu grande influência na história missionária. Quando jovem fundou com outros estudantes o que chamou de “Ordem do Grão de Mostarda”.

Em uma de suas viagens, ao visitar um Museu, viu um quadro do Senhor Jesus coroado com espinhos e uma inscrição: “Eu tudo fiz por ti, que fazes tu por mim?” E muito se emocionou. Meditou e chorou por muitos dias sobre tal frase. Após viajar para a Groenlândia seu coração tornou-se ainda mais inquieto ao ver que os esquimós da Groenlândia não conheciam a Cristo e seu choro aumentou ainda mais.

Algum tempo depois ele encontrou um amigo cristão e lhe fez um convite para ir pregar o Evangelho aos esquimós, dizendo: “Você gostaria de pregar o Evangelho aos esquimós? Mas antes que você me responda, quero que você saiba que você vai sozinho, sem sustento e sem possibilidade de voltar para casa. Você aceita o desafio?”.

Aquele homem aceitou o desafio sem pensar duas vezes. A única coisa que fez foi pedir um par de sapatos usados, pois o mesmo estava descalço e seria difícil viajar de tal forma. Na manhã seguinte, ao chegar à casa daquele cristão com o par de sapatos usados que ele havia pedido, Zinzendorf não o encontrou. Ele havia deixado um bilhete dizendo “saí de casa, descalço, antes de o sol nascer. Não posso perder tempo para fazer a obra de Cristo”.

Hoje, mais de 90% da população da Groenlândia é cristã! E tudo começou porque um homem ousado e comprometido com Jesus respondeu “SIM” ao chamado de Cristo e dedicou-se a pregar o evangelho e salvar vidas”.

AS SANDÁLIAS DE JESUS

Lembrei-me das sandálias de Jesus. Não sei exatamente onde elas ficaram. Seria impossível localizá-las pela distância dos séculos, porém o fato mais real é que Jesus usava sandálias típicas de judeu e as do dia da crucificação devem ter ficado em algum lugar, com alguém ou até mesmo esquecidas em algum dos cenários que antecederam sua cruel morte de cruz. Bem, onde ficaram as sandálias de Jesus de fato, eu não sei, mas sei que o Gólgota foi o último lugar físico que Jesus pisou antes de sua morte.

E O QUE TEM DEMAIS NESTAS SANDÁLIAS?

As sandálias de Jesus podem simbolizar sua missão, sua urgência de levar a mensagem do Reino do Céus ao coração. Elas falam dos pés formosos do mensageiro da paz que anuncia a salvação, a esperança e a vida aos corações a qualquer preço, ainda que seja necessário dar o proprio sangue.

Fiquei orando e pensando: Quem calçará as sandálias do Eterno Missionário Jesus Cristo? Ao longo dos séculos milhares de homens  e mulheres em todo o mundo tem, simbolicamente, calçado estas sandálias ao aceitarem pregar o Evangelho de Cristo onde o Espírito Santo lhes mandasse. No entanto, devido a gritante necessidade dos campos brancos para a colheita, estas sandálias sempre estarão disponíveis para todo aquele que quiser entregar-se sem reservas para cumprir a vontade de Deus e ir ao encontro dos corações, aflitos, prisioneiros, sofridos e carentes de tudo, inclusive de Deus.

Há um convite vindo do coração de Jesus para que jovens, homens, mulheres e crianças calcem essas sandálias, que são as sandálias do mensageiro do amor, da esperança, da paz, da alegria, da libertação aos corações.

“Quão formosos são, sobre os montes, os pés do que anuncia as boas novas, que faz ouvir a paz, do que anuncia o bem, que faz ouvir a salvação, do que diz a Sião: O teu Deus reina!” Is 52.7

            Quão formosos são os pés dos mensageiros da salvação que não medem esforços para fazer Jesus conhecido em todos os lugares por onde passam: no Brasil, na Suiça, na África, na Ásia, no Japão, na Europa, nas Américas, na Oceania. Em todos os lugares onde Jesus gostaria de ir. A Igreja de Jesus em todo o mundo é a herdeira oficial das sandálias de Seu Mestre e Senhor(Mt 28.19-20 – João 20.21 – At 1.8). Todo crente pode calçar as sandálias do mestre para comunicar aos corações as boas notícias do Seu Reino de Amor e Paz!!!

AS SANDÁLIAS DO GÓLGOTA

As sandálias do Gólgota simbolizam as sandálias do amor incondicional pelos perdidos, para ver a redenção dos homens. São as sandálias do Mestre querido que deu tudo de si, inclusive a vida para obedecer ao Pai e cumprir o propósito profético para o qual Ele fora enviado à terra. Andar nos passos deste amável Mestre e Senhor é andar nos passos do amor, do perdão, da reconciliação, do amor sacrificial, sem reservas, sem medo de se entregar completamente independente do que os outros pensem ou não de você.

Andar com estas sandálias é andar nos moldes do sermão do monte (Ver Mateus capítulos 5,6 e 7), espontaneamente e sem reclamar ou colocar a casa a baixo quando tiver diante de uma situação que exigir perdão!

Andar com estas sandálias é viver disponível a servir aos homens como se fosse ao Pai. É estender a mão a quem jamais lhe ofereceria mão alguma. É oferecer a outra face quando agredido e injustiçado(Mt 5.39).

É ser alguém sensível as necessidades dos que lhe rodeiam a ponto de perceber até quem toca suas vestes com uma fé especial(Lc 8.46).

É viver focado, centrado numa missão divina mais do que qualquer outra coisa na vida.

Andar com estas sandálias é viver fazendo a vontade do Pai, é andar curando os corações e libertando as vidas da opressão do maligno. É andar fazendo o bem por toda a parte, assim como ele andou. Olha que lindo:  “Como Deus ungiu a Jesus de Nazaré com o Espírito Santo e com virtude; o qual andou Como Deus ungiu a Jesus de Nazaré com o Espírito Santo e com virtude; o qual andou . At 10.38.

As sandálias do Gólgota simbolizam a entrega sacrifical, sem reservas, sem retorno, incondicional. É a morte do eu, do egoísmo, dos achismos, do orgulho, da prepotência, da arrogância, da violência, da vingança. Elas simbolizam os que querem viver como Ele viveu, seguindo seus passos, suas marcas de caráter e fazendo o que Ele fez. Simbolizam os que se entregam sem pensar tanto em livrar a própria pele, a reputação. E se lançam na simplicidade do amor.

AS SANDÁLIAS DO MISSIONÁRIO JESUS

São as sandálias do missionário que amou as cidades e as aldeias por onde passou (Mt 9.35); consolou a viúva de Naim ressuscitando seu filho(Ver Lc 7.11-15);

  • Perdoou os pecados da prostituta encontrada em adultério(Ver João 8.1-11);
  • Salvou a mulher samaritana no poço de Jacó(JOão 4);
  • Compadeceu-se das feridas dos 10 leprosos ainda que somente um tenha voltado para agradecer-lhe o milagre(Lv 17.12-15).
  • Este missionário maravilhoso atraiu as crianças a si e as atendia(Mt 19.14);
  • Encontrava-se com os endemoninhados e libertava-lhes das castas demoníacas (Mt 8.28 – Mc 5.15-18);
  • Curava de perto e curava de longe aqueles que com fé se aproximavam dEle(Lc 7.7). Era alguém extremamente sensível as necessidades dos que com Ele andavam, a ponto de preocupar-se com a alimentaçao da multidão (Mc 6.41-44).
  • Comeu na casa de um publicano  de impostos e lhe transformou o coração para sempre(Lc 19.2-8). Sua agenda era definida pelo Espírito Santo.
  • Andou sobre as águas(Mt 14.24-29), transformou água em vinho(João 2.7-9);
  • Multiplicou pães e peixes, curou milhares e milhares de doentes por onde Ele passou(Lc 6.19 – Lc 4.40 – Mt 4.24).
  • Abriu mão de seu direito e de sua razão para cumprir o propósito profético para o qual fora enviado por Deus (Mc 14.36 – João 4.34)
  • Ao ser açoitado, injuriado, posto entre os malfeitores depois de ter feito somente o bem entre os homens, ainda ora pelos seus algozes e pede ao Pai que os perdoe (Lc 23.34).

Que missionário maravilhoso, extraordinário!!! Mas hoje, quem calçará suas sandálias para dar prosseguimento a sua obra em minha geração?

SANDÁLIAS DISPONÍVEIS

As sandálias do meu Jesus que foi morto no Gólgota estão disponíveis para serem calçadas para os que quiserem dar prosseguimento ao seu ministério, ao seu serviço divino entre os homens, aos que desejarem ver cumpridos em sua geração os sonhos de Deus.

Isso é uma comparação que uso aqui para dizer que é urgente a necessidade da Igreja abraçar sua missão com identidade, verdade, força e coragem para entrar em todos os lugares onde JESUS GOSTARIA DE IR, falar com todas as pessoas na terra com quem ELE GOSTARIA DE FALAR. Afinal, somos ou não somos sua extensão ministerial? Somos ou não somos sua voz na terra?

Será que ficaremo velhos, vendo os calendários de anos se passarem e não cumpriremos o IDE, a grande comissão que nos foi dada por JESUS? Será que continuaremos com comportamentos de religiosos de indiferença sem nada fazer para alcançar os perdidos?

 É tempo de calçar as sandálias da pregação do Evangelho da Paz!!! É tempo de assumir o chamado!!! É tempo de querer ser como Jesus no eu caráter e na sua missão de verdade.

Quem calcará as sandálias do Missionário Jesus Cristo para continuar fazendo a vontade de Deus ?

Abraços de quem deseja calçar as sandálias do Mestre!!!!

+ Artigos