#100dias – 40 – Santificação Posicional

#100dias – 40 – Santificação Posicional

Postado por em fev 28, 2014 no 100 dias - Plenitude da Unção, Blog

#100dias – 40 – Santificação Posicional

#100DiasDeJejumEOração

DIA 40 (01.03) – A OBRA DO ESPÍRITO SANTO NA REDENÇÃO (8)

O ESPÍRITO SANTO SANTIFICANDO (2)

SANTIFICAÇÃO POSICIONAL (1)

Já estabelecemos que o Espírito Santo desempenha para conosco o papel de Santificador. Que Santificar é separar para o uso exclusivo de Deus. E que há vários estágios de santificação. Depois de refletirmos sobre a Santificação Preparatória, passaremos a focar a Posicional, também chamada de a nossa relação com Deus ou o estado de Santificação.

Por Santificação Posicional queremos falar daquele ato de Deus, o Espírito Santo, no qual Ele separa cada pessoa salva. Nós somos chamados “santos” e “santificados em Cristo Jesus” (Romanos 1:7).  É o estado, a posição ou o seu relacionamento com Deus. Todos os crentes são classificados como “os santos” (Atos 20:32; 1 Coríntios 1:2; 6:11; Hebreus 10:10, 14; Judas 1).

Trata-se do primeiro passo na experiência do crente. O trabalho preparatório já vem ocorrendo por algum tempo, de acordo com o plano Divino, mas agora aquela obra se torna efetiva na vida da pessoa, em particular. Ela é agora, de fato e de direito, separada como propriedade exclusiva de Deus para o Seu eterno propósito. A esse povo que formei para mim; para publicar o meu louvor” (Isaías 43:21). “Santificação Posicional é o fato e o ato de pertencer a Deus.”

Dr. Alan Cairns coloca bem no seu dicionário de teologia: “A causa da santificação é a graça de Deus (Tito 3:5); a benemérita causa é o sangue e a justiça de Cristo (Tito 2:14), e a causa eficiente é o Espírito de Deus (1 Pedro 1:2). Assim, a fonte de santificação é o próprio Senhor.” Na sua Teologia Sistemática, Dr. R. L. Dabney escreve sobre esta obra de Cristo santificando o seu povo: “Agora, Cristo é o nosso Santificador, porque Ele obtém o benefício para justificar-nos com a Sua justiça, porque Ele é agora o Deus da Providência e Dispenseiro dos meios para o Seu povo; e porque, por sua intercessão perpétua, Ele adquire e distribui a nós as influências do Espírito Santo.”

AS TRÊS PESSOAS DA TRINDADE ESTÃO ATIVAS NA SANTIFICAÇÃO DO CRENTE.

O homem foi criado à imagem e semelhança de Deus e, portanto, Lhe pertencia por direito de criação. Ele tem o direito de patente sobre o ser humano. Todavia Adão se rebelou contra o Criador e se tornou pecador, tendo sua relação com Ele sido rompida. Contudo, por Seu indescritível amor e graça, na Santificação Preparatória, Deus incluiu o meio através do qual a raça humana caída poderia ser restaurada ao relacionamento com Ele. Para tanto as três pessoas da Divindade se envolvem nesse processo, conforme Pedro escreve:

Eleitos segundo a presciência de DEUS PAI, em santificação do ESPÍRITO, para a obediência e aspersão do sangue de JESUS CRISTO: Graça e paz vos sejam multiplicadas” (1 Pedro 1:2).

O SANGUE DE CRISTO, MEIO DE SANTIFICAÇÃO

O meio provido por Deus para levar o homem de volta a Si foi o Sangue de Cristo! Deus é santo e o homem pecador. Ele jamais poderia rebaixar-se e comungar com o pecado. Jamais poderia separar um imundo pecador para sua posse e propósito. O que fez foi comprá-lo e purificá-lo com o sangue do Seu Filho. Foi prover o meio de lidar com sua natureza pecadora a fim de elevá-lo ao Seu nível de santidade.

  • E por isso também Jesus, para santificar o povo pelo Seu próprio sangue, padeceu fora da porta” (Hebreus 13:12).
  • Nessa vontade é que temos sido santificados, mediante a oferta do corpo de Jesus Cristo, uma vez por todas (Hebreus 10:10).

O sacrifício do Filho de Deus, uma vez por todas, comprou, para sempre, a santificação do pecador arrependido. “Porque, com uma só oferta, aperfeiçoou para sempre quantos estão sendo santificados” (Hebreus 10:14).

Fora do sangue expiador de Cristo, ninguém poderia, jamais, ser separado para Deus. Mas a partir do momento em que O entroniza como seu Senhor e Salvador, passa a “estar nEle.” Esta é uma expressão usada mais de setenta vezes nas cartas de Paulo, demonstrando a posição do crente em Cristo, inalterada e inalterável. Assim temos sido santificados pelo Seu sangue.

QUEM SÃO OS SANTIFICADOS?

Todos aqueles que se arrependeram dos seus pecados e receberam a Jesus Cristo como Senhor, em suas vidas, são santificados por Deus o Pai, e conservadas em Jesus Cristo, conforme declara Judas: “…aos chamados, santificados em Deus Pai, e conservados em Jesus Cristo” (v. 1).

A Santificação Posicional é uma realidade em cada crente. Fomos, de uma vez por todas, separados para Deus. É por isso que somos chamados “santos”, porque é isso que somos aos Seus olhos. Temos sido santificados e somos santos diante dEle. Somos aceitos no Amado. E esta posição independe do tempo que tenha sido salvo, ou quão pouco ou muito se conheça a Bíblia, ou espiritual seja o crente.

A OBRA DO ESPÍRITO SANTO NA SANTIFICAÇÃO POSICIONAL DO CRENTE

Paulo amplia a compreensão deste tema ao declarar o que eram os crentes de  Corinto antes da sua conversão e o que ocorreu depois: “Nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus. Tais fostes alguns de vós; mas haveis sido lavados, mas haveis sido santificados, mas haveis sido justificados em nome do Senhor Jesus, e pelo Espírito do nosso Deus” (1 Coríntios 6:10,11).

Observe a ordem: diz-se que eles foram santificados, antes que fossem justificados. A santificação posicional ocorre no ato da regeneração. Se você não tiver sido santificado, não é salvo. Como ocorria com o coríntios, alguns de nós, às vezes, não nos comportamos à altura da nossa posição em Cristo. Mas nossa conduta não a altera. É claro que não nos conformaremos com isto. Falaremos a respeito mais adiante.

O maior incentivo para a vida santa é a nossa posição diante de Deus. Não somos agora justos em nós mesmos, mas somos aceitos na justiça de Cristo. Àquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus. (2 Coríntios 5:21).

ORAÇÃO

Yahweh, Deus triuno, louvado e engradecido sejas pela obra santificadora do Espírito Santo em mim. Fico extasiado(a) ao refletindo sobre a realidade de que ocupo a posição de “santo” (a) diante de Ti: separado(a) para teu uso exclusivo, a fim de cumprir Teu propósito. Quem sou eu para que sobre mim colocasses Teu olhar e me arrebatasses, em Cristo, do reino tenebroso do mal para ser Tua propriedade exclusiva? Comovido(a) declaro: “Pertenço a Ti, por direito de criação e direito de redenção.” Tão somente concede-me a graça de jamais me conformar com minha santificação posicional, mas partir dela para a santificação experimental. Amém!

    1 Comentário

  1. Pra. Valnice, meu coração é grato a Deus por tão grande redenção em cristo Jesus e pelo seu Espirito Santo que habita em nós.

Deixe uma resposta para Jadilene Rodrigues Gomes Leal Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *