#100dias – 99 – O Espírito de Yahweh está sobre mim…

#100dias – 99 – O Espírito de Yahweh está sobre mim…

Postado por em abr 28, 2014 no 100 dias - Plenitude da Unção, Blog

#100dias – 99 – O Espírito de Yahweh está sobre mim…

#100DiasDeJejumEOração

DIA 99 (29.04)

“O ESPÍRITO DE YAHWEH, O SOBERANO, ESTÁ SOBRE MIM, PORQUE O SENHOR ME UNGIU!” (1)

Estas palavras encabeçam o decreto a gerar em 2014 e serve de base para a Convenção que começa dentro dois dias.

Nossos corações gemem e suspiram pela plenitude da unção para a qual existimos como filhos de Deus num mundo em trevas.

A redenção da Pátria é a visão que não se aparta dos nossos olhos. Viver o espírito que operava na Igreja em Jerusalém, é nossa desafiadora vocação.

Nossa missão: “Ser uma comunidade de adoradores de Yahweh, evolvida na busca e salvação do perdido, para fazer dele um discípulo de Jesus Cristo, isto é, Sua reprodução, no caráter e na missão.” Para cumpri-la, dependemos do Poder e habilidade disponíveis na unção do Espírito.

Nada mais oportuno, portanto, do que mergulhar no rio do Espírito e encharcar-nos da Sua presença, renovando e ampliando a habilidade gerada pela Sua unção a fim de cumprir a tarefa que nos é confiada.

Isaías 61:1-3 é um texto chave, que nos aponta para a fonte e propósito da unção. Trata-se de uma promessa sobre o Messias, cabalmente cumprida em Cristo, em Seu ministério terreno. Este foi o texto que Ele selecionou para seu primeiro sermão, na sinagoga de Nazaré, onde Ele crescera. (Lucas 4:18-19).

Todavia, logo após Sua ressurreição Ele declarou: “Como o Pai me enviou em missão permanente pela qual ainda sou responsável, assim vos envio a vós” (João 20:21-Wuest).

Jamais podemos perder de vista o fato de que Jesus é “o grão de trigo que caiu na terra e morreu para dar muito fruto.” Ele se reproduz em cada um que nasce de novo. Seu propósito é que todos possamos ter a mesma experiência com o Seu Espírito e poder declarar: “O Espírito de Yahweh, o soberano, está sobre mim, porque o SENHOR me ungiu!”

Podemos declarar que o Santo Espírito está dentro de nós, se é que fomos redimidos. Paulo declara: “Não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos?” (1 Coríntios 6:19).

SIGNIFICADO DA UNÇÃO

Ungido: A palavra hebraica  é “masah,” quer dizer, literalmente, “esfregar”, mas geralmente é usada para significar “ungir, consagrar.” Ela ocorre 70 vezes no Antigo Testamento e é usualmente empregada para indicar separação para um ofício ou função específica. O Substantivo Messias (“Mashiah“) vem de “masah” e significa “ungido.” “O Ungido é designado e estabelecido publicamente para um status divino, com autoridade divina… isto implica em sua invencibilidade e proteção divina e em ser qualificado e equipado para a tarefa pelo Espírito do EU SOU!” (Notes de Waltke).

De todo os ensino Bíblico podemos destacar três coisas:

1. A unção é um elemento Divino de separação de alguém para uma determinada missão (Êxodo 30:30). Juntamente com a unção é conferida a habilidade Divina para o cumprimento da missão confiada (Êxodo 31:1-5).A unção gera uma nova identidade, de acordo com a missão a ser desempenhada (1 Samuel 10:1,6,9).

2. Jesus possuía as unções de Profeta, Sacerdote e Rei. Tinha a PLENITUDE! O que é “plenitude?” Uma Experiência que nos leva a um clímax! Completude! Pleno! “É o estado daquilo que foi feito na totalidade, que atingiu a avaliação ou medida máxima.” Quando Paulo ora pelos Efésios, ressalta este conceito ao pedir que os discípulos possam “conhecer o amor de Cristo, que excede todo o entendimento, para que sejam cheios de toda a plenitude de Deus.” (Efésios 3:19).

PROPÓSITO DA UNÇÃO

Qualquer que seja o ângulo pelo qual Se estude a unção na Bíblia, não há como fugir ao fato de que está relacionada à habilidade Divina para cumprir uma tarefa ou missão. Quando colocamos diante de nós a expressão, PLENITUDE DA UNÇÃO, como o rosto de 2014, precisamos ter uma visão clara do que queremos dizer.

O Espírito Santo está nos transformando para que nos conformemos com a imagem de Cristo. Somos por Ele gerados como filhos de Deus. Ele nos enche e dirige nossos passos. Somos nele batizados por Jesus a fim se receber o revestimento de poder para ser Suas testemunhas a um mundo perdido.

Queremos ver a plenitude da unção manifesta em nossos púlpitos, células, casas, classe, habilitando-nos a cumprir a Grande Comissão. É a habilidade do Espírito que provocará no coração daqueles a quem iremos levar o Evangelho o genuíno arrependimento e conversão.

PARA QUE O ESPÍRITO ME UNGE

Podemos destacar pelo menos dez vertentes da unção em Isaías 61:1-3. Fazem parte de um todo com o propósito de alcançar o perdido e levá-lo por todos os estágios da obra transformadora do Espírito Santo.

Yahweh me ungiu para:

“Para anunciar a Boa Nova aos pobres”: PREGAR – O Espírito nos chama a exercer o papel de um profeta que anunciar a boa nova de que Deus, em Cristo, veio como a única esperança de redenção. Temos de estar envolvidos na pregação da Boa Nova para aqueles que são mansos, humildes e penitentes. Somos pregadores da justiça em um mundo em densas trevas morais e espirituais.

Somos ungidos para a pregação da fé” (Gálatas 3:2), porque “aprouve a Deus salvar os crentes pela loucura da pregação (1 Coríntios 1:21). Uma mensagem que “não consista em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração de Espírito e de poder” (1 Coríntios 2:4).

Yahweh me ungiu para:

“Enviou-me para cuidar dos que estão com o coração quebrantado:” SARAR – O Espírito Santo nos unge para curar corações dilacerados pelas marcas do pecado. Aqueles de almas quebradas, que vivem sob o peso da culpa e da opressão. Vidas que se sentem despedaçadas pelas pressões, problemas e preocupações deste mundo. Elas precisam provar o poder restaurador e sarador de Cristo. Apropriemo-nos da unção para confortar aqueles que estão sangrando e dispostos a permitir que a Palavra de Deus e o Espírito Santo os salve e remova seus temores. Somos canais de cura em todas as esferas da personalidade humana.

ORAÇÃO

Santo Espírito de Deus, trago à memória o dia em que vieste habitar em mim. Que gozo! Que transformação! Mas também o dia em vieste sobre mim, revestindo-me de poder e unção para realizar as obras de Deus. Não posso viver sem Ti, nem servir na causa do Evangelho sem Tua presença, direção e habilidade. Apodera-Te de mim e usa-me como queres para a glória do Pai!

 

    1 Comentário

  1. EU GLORIFICO A Deus e lembro me de Noé,quando vejo Valnice milhomens pregar a santa palavra de Deus.Sei que Valnice foi levantada nesta nação como profeta e peço e oro muito a Deus por pessoas que levantam contra a vida de Valnice.Sou intercessora somente no joelho e no jejum,e quero deixar aqui,está palavra seria para todos que falam mal de profetas, como Valnice,ficara debaixo de maldição porque estão levantando contra o próprio Senhor,porque a palvra de Deus diz aquele que se une ao Senhor é um espirito com ele.

Post a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *